Emmanuel - Flávio Venturini e Milton Nascimento

5 de fev de 2011

Educação dos Filhos


No processo de educação, o grande mérito dos pais é burilar o caráter dos seus filhos de uma maneira informal. É ir sedimentando nos corações infantis os valores morais e os sentimentos nobres.  
Para isso, existem algumas dicas importantes. A primeira: nunca diga para uma criança "não faça isso", sem lhe dar outra coisa para fazer.

Educar é corrigir.

Corrigir é substituir uma forma de reação inconveniente por uma adequada. A criança tem prazer na ação.

Para desviá-la da que não convém, é importante lhe sugerir a ação conveniente, a fim de não privá-la do prazer de agir.

Assim, em vez de falar: "não desça a escada correndo", diga: "desça os degraus um de cada vez. Vá devagar." A ordem é positiva e não impede a ação da criança de descer a escada. "Não diga que uma coisa é ruim apenas porque incomoda você."

A qualificação de uma coisa em boa ou ruim é importante para a criança na formação de sua capacidade de julgamento.

Se a coisa é ruim, é necessário dizer o motivo, de modo compreensível para a criança.

E esta razão deve estar na coisa em si e não somente porque desagrada você.

"Não interrompa o que uma criança está fazendo, sem avisá-la com antecedência."

A criança tem prazer na ação, insistimos.

Interromper de repente algo que ela esteja fazendo, lhe causará violenta emoção.

Observe como o bebê reage, chorando, quando alguém simplesmente vem e lhe arranca das mãos o brinquedo com que ele se distraía.

Converse sempre, explique. E não pense que a criança não entende.

Respeite-a.

Quando estiver no parquinho, e for o momento de ir embora, não diga simplesmente "acabou, vamos embora."

Avise uns minutinhos antes, dando-lhe tempo, por exemplo, para uma última descida pelo escorregador.

Ou apanhar com calma os brinquedos na areia. E se despedir dos amiguinhos com os quais brincava.

Desta forma haverá menos choro e mais tranqüilidade.

A criança sentirá que tem certo domínio sobre o tempo, enquanto lhe estamos repassando também a lição da responsabilidade, pois ela terá que respeitar o trato feito.

Finalmente, não prometa o que você não deseja cumprir. Para a criança, prometer é começar a realizar. Se a promessa não se cumprir, haverá uma frustração.

Ela sentirá como se tivesse sido privada de alguma coisa e isso dá origem à descrença.

Deixará primeiro de crer nos pais.

E, ao crescer, passará a ter a mesma descrença com as pessoas com as quais se relacionar, transformando-se em um adulto desconfiado e solitário.

***

Pais e mães: abençoem seus filhos, a cada manhã, a cada anoitecer com seu carinho e cuidados.

Orientem os seus pequenos para que cumpram seus nobres destinos na terra, honrando a confiança do criador aos lhes destinar ao lar suas criaturas.

Mantenham seus rebentos, sob seus cuidados, um pouco mais, ensinando-os desde cedo as noções do respeito, da disciplina e do amor.

Abençoem seus filhos com a correta educação, preparando-os para serem felizes desde hoje.
 


Seguidores

Google+ Followers

Países que nos visitam

Países que nos visitam

Recomendo este Blogger

Vídeos do Grupo Musical Cativar - GMC

Caros amigos, o Grupo Musical Cativar compartilha com vocês sua primeira postagem no youtube com a nova formação: Guitarra - Roberto, Contra-baixo - Amaro, Violão - Jeronimo, Percursões - Olavo e Robério e vocal - Lilia.
Espero que gostem e prestigiem, pois é cativante

Cantando o teu natal

O Homem integral

Passos na Areia